Em compras acima de R$ 400,00 o frete é grátis! *Promoção valida para os estados do Sul e Sudeste, Exceto para impressoras 3D

Precisa converter G-code para STL novamente? Veja como fazer!


4 minutos de leitura


Já aconteceu de você imprimir a peça, ficar descontente com o resultado e na hora de alterar alguma configuração no STL, descobrir que perdeu o arquivo original? O que restou é apenas o G-code salvo no Pen Drive ou cartão de memória, certo? Talvez você ache que não tem salvação, mas vamos te mostrar que tem, sim!


O G-code – ou Código G – é a linguagem de programação padrão para a maioria das impressoras 3D. Em outras palavras, é um tipo de arquivo que comanda os movimentos da máquina afim de produzir a peça a ser impressa. Esse código é gerado automaticamente sempre que um arquivo STL é fatiado e reproduz os parâmetros de impressão como:

  • velocidade de impressão;
  • temperatura do extrusor, filamento e mesa (tecnologia FDM);
  • tempo de exposição da resina (tecnologia SLA/DLP/LCD);
  • preenchimento;
  • dimensões da peça.

Essas configurações geralmente são definidas no Ultimaker Cura ou ChiTuBox – os softwares de fatiamento mais utilizados na impressão 3D.

A situação complica quando o arquivo STL original se perde, mas ainda assim se torna necessário reverter uma configuração do Código G. Para isso, existem duas formas de converter o G-code de volta para STL. Veja quais são neste conteúdo!

Converter G-code para STL Online

Converter G-code em STL MakePrintable

O MakePrintable se trata de um site que repara arquivos 3D, inclusive G-code para STL. Porém, a ferramenta é paga e para utilizar o serviço é necessário desembolsar a partir de $14,99 por mês (o que pode variar de acordo com o plano escolhido).

Ao registrar conta no MakePrintable, clique na aba “Laboratório”. Entre as opções aparecerá “Reversor de Código G”, e então clique em iniciar para enviar seu arquivo G-code. As opções seguintes serão “Reparo rápido” e “Executar fluxo de trabalho”.

A partir desse ponto é você quem escolhe qual melhor atenderá. A opção “Reparo rápido” é ideal em situações que demandam um resultado rápido. Já “Executar fluxo de trabalho” é o método para a conversão mais complicada e que exige maior personalização.

Além disso, ao aderir um plano no MakePrintable o usuário conta com garantia de serviço. Portanto, se o modelo 3D não for convertido conforme necessário, a plataforma online fornece assistência para garantir o reparo.

Converter G-code para STL Offline

Converter G-code em STL Voxelizer

Um outro método – gratuito e offline – é o software de fatiamento Voxelizer, que converte Código G em STL através de “voxels”.

Ao baixar o programa e criar conta, clique em “Arquivo” seguido de “Importar”. Depois selecione seu arquivo de código G e, ao completar o carregamento, selecione “Voxelize” – ícone situado na parte superior esquerda da tela.

A seguir, defina a dimensão do voxel para voxelização, assim como a altura da camada versus tamanho do seu voxel. Quanto menor ele for, melhores serão os resultados. Ao concluir o procedimento, selecione “Arquivo” para exportar o STL e salve o arquivo.

Esses são os dois métodos disponíveis atualmente para converter seu G-code em STL novamente. Já sabia algum deles ou conhece outro método de recuperação do STL? Conta pra gente! Aproveite também para conferir o nosso conteúdo sobre reparação de modelos 3D corrompidos, assim você ficará um passo a frente dos problemas!

Publicado em:
21/05/2021

Deixe um comentário

Mais posts

Minha conta


Empresa referência em impressão 3D. Impressoras, filamentos e resina para impressão 3D, cursos, manutenção e prototipagem.

Endereço

Rua Toyota, n°490, Jardim Piemont - Betim - MG 
A 20 min do centro de Belo Horizonte.

Horário de funcionamento

08:00 às 17:00 | Segunda à sexta-feira

Dúvidas gerais | Suporte | Vendas

Nossas redes

Este site é protegido pelo reCAPTCHA, a Política de Privacidade e os Termos de Serviço do Google se aplicam.
3D Lab Industria Ltda.
CNPJ 20.212.019-0001/09