Em compras acima de R$ 400,00 o frete é grátis! *Promoção valida para os estados do Sul e Sudeste, Exceto para impressoras 3D

Stringing: como resolver esse problema na impressão 3D!


6 minutos de leitura


Stringing é um efeito indesejado bastante comum na impressão 3D. Ele é caracterizado como fios soltos na sua peça impressa que atrapalham a qualidade visual. Entenda as causas e como resolver esse problema!


Um dos erros de impressão 3D mais comuns é o stringing, que nada mais é do que um fio fino de material que é deixado pelo bico de impressão quando ele se movimenta de um ponto a outro. Esse defeito na peça está, na maioria das vezes, associado à temperatura alta ou má configuração de retract.

Alguns materiais são mais propensos a gerar stringing, como é o caso do filamento PETG e do flexível, mas veremos neste conteúdo o que você deve fazer para evitar esse defeito.

Boa leitura!

O que é o stringing?

O stringing é uma característica bem marcante e fácil de identificar na impressão 3D. Esse efeito acontece porque o material que está contido no bico de impressão está em alta temperatura e, por efeito da gravidade, tende a descer.

Então, quando o bico se movimenta de um ponto a outro, mesmo que o tracionador não esteja empurrando o filamento para baixo, há um escorrimento de material.

stringing distância

Para evitar isso é que usamos o recurso de retract, ou retração, que é quando o tracionador gira no sentido contrário, retornando o filamento.

Leia também: O tracionador da minha impressora 3D não está funcionando! O que fazer?

Quais são as principais causas do stringing e como evitá-las?

Agora que você já sabe o que é stringing, vejamos o que pode causar esse problema na impressão 3D e, para cada uma delas, as prováveis soluções:

Temperatura alta no extrusor

Pensando no que já falamos, sobre o escorrimento do material que fica no bico e extrusor, quanto maior for a temperatura, mais líquido o material estará e mais ele vai escorrer.

Se você utiliza uma temperatura de extrusão muito alta, além do necessário para o material, a tendência é que apareça mais stringing.

stringing temperatura

O ideal é que você siga a recomendação do fabricante do filamento quanto à temperatura de extrusão.

Abaixo estão alguns dados recomendados para os principais filamentos 3D Lab:

dados para conteúdo de stringing

Falha na configuração de retract

A configuração de retract é a outra causa mais comum para gerar stringing. Entre os parâmetros estão a distância de retract e a velocidade de retração.

Quanto à distância, para extrusoras do tipo direct drive, o recomendado é até 3mm. Para as extrusoras do tipo bowden você pode utilizar entre 4 e 6mm.

Já em relação à velocidade de retração, verifique o que é recomendado pelo fabricante da máquina, mas normalmente você pode utilizar 40mm/s.

Os dados podem ser conferidos para cada um dos nossos materiais principais na tabela anterior.

Longa distância de deslocamento

Um outro fator que pode acabar contribuindo para a formação de stringing é a disposição das peças na sua mesa de impressão.

Quando você for imprimir mais de uma peça de uma só vez, não as coloque muito distantes. Tente aproximá-las para reduzir a distância de deslocamento.

Além de diminuir a possibilidade de stringing, você também vai reduzir o tempo de impressão.

Baixa velocidade de deslocamento

No tópico anterior falamos em reduzir a distância, mas também devemos pensar na velocidade de deslocamento.

É interessante aumentar essa velocidade para reduzir a chance de escorrimento de material durante a movimentação do carro extrusor. Consulte o manual da sua impressora para saber a velocidade indicada.

Erro no fator de extrusão

Em um conteúdo anterior do nosso Blog falamos sobre o fator de extrusão e como esse parâmetro é importante para garantir uma impressão 3D de qualidade. Pois bem, ela também influencia no stringing!

Se o fator de extrusão estiver acima do recomendado é provável que gere excesso de material na ponta do bico, permitindo e facilitando a formação das linhas indesejadas na peça.

Problemas no resfriamento

Por fim, não podemos deixar de verificar o sistema de resfriamento. Caso você tenha tomado todas as medidas anteriores e o problema persiste, tente aumentar a potência do cooler. Isso vai fazer com que o material não fique tão líquido no bico.

Portanto, vimos neste conteúdo como evitar o problema de stringing nas suas peças, que são aquelas famosas linhas indesejadas que mais parecem como teias de aranha.

Levantamos cada possível causa e o que você deve fazer para correção.

Agora, continue o seu processo de aprendizagem e leia o nosso conteúdo completo sobre os 20 principais erros de impressão e como resolvê-los!

Publicado em:
14/12/2020

Deixe um comentário

Mais posts

Minha conta


Empresa referência em impressão 3D. Impressoras, filamentos e resina para impressão 3D, cursos, manutenção e prototipagem.

Endereço

Rua Toyota, n°490, Jardim Piemont - Betim - MG 
A 20 min do centro de Belo Horizonte.

Horário de funcionamento

08:00 às 17:00 | Segunda à sexta-feira

Dúvidas gerais | Suporte | Vendas

Nossas redes

Este site é protegido pelo reCAPTCHA, a Política de Privacidade e os Termos de Serviço do Google se aplicam.
3D Lab Industria Ltda.
CNPJ 20.212.019-0001/09