Em compras acima de R$ 400,00 o frete é grátis! *Promoção valida para os estados do Sul e Sudeste, Exceto para impressoras 3D

Manutenção da Ender 3: aprenda agora a fazer esse serviço!


10 minutos de leitura


manutenção da ender 3

Aprenda a fazer a manutenção da Ender 3 e aumente a disponibilidade da sua máquina, evitando problemas maiores e mantendo sempre a alta qualidade de impressão!


A Ender 3 é uma das impressoras 3D mais populares em todo o mundo. A alta qualidade de impressão, facilidade de montagem e operação e ainda o preço baixo explicam um pouco dessa alta popularidade.

Com uma comunidade de usuários tão grande é essencial pensarmos na manutenção das máquinas, principalmente no trabalho preventivo.

Foi pensando nisso que produzimos um vídeo bem explicativo com o passo a passo para você fazer a manutenção da Ender 3. Confira!

Quais ferramentas e equipamentos são necessários para a manutenção da Ender 3?

Para fazer a manutenção da impressora 3D Ender 3 você vai precisar das seguintes ferramentas e equipamentos:

  • conjunto de chaves Allen;
  • chave inglesa;
  • graxa;
  • alicate de corte;
  • chave de fenda;
  • peças de reposição da impressora;
  • chave de boca.

Como fazer a manutenção da Ender 3?

Para aprender a fazer a manutenção da Ender 3 você pode assistir nosso vídeo ou seguir as orientações do texto:

Com todos os equipamentos e ferramentas em mãos, agora vamos para a parte prática da manutenção. Siga o passo a passo:

Prepare sua impressora para a manutenção

A primeira etapa para a manutenção da Ender 3 é a fase de preparação. Você vai precisar retirar o filamento, se houver, da extrusora.

Para isso, verifique qual é o filamento que está inserido na máquina e aqueça o extrusor até a temperatura ideal do material.

Como referência, para o PLA a temperatura ideal fica entre 200 e 220°C. Já para o ABS a temperatura do extrusor deve estar entre 220 e 240°C.

Quando alcançar a temperatura certa, aperte a alavanca do tracionador, empurre um pouco do filamento para baixo, extrusando um pouco de material e depois puxe o filamento para cima.

Essa pressão para baixo é importante para evitar entupimento do bico! Retire o filamento e enrole no carretel.

Dica: não se esqueça de prender a ponta do filamento em um dos orifícios do carretel. Isso vai impedir o indesejado nó no filamento.

Verifique a tensão das correias

Na impressora 3D Ender 3 a movimentação do carro extrusor é feita por meio de correias. Elas devem estar sempre bem tensionadas para evitar deslocamentos de camadas nas peças e falta de precisão.

Olhando para a frente da impressora você verá, no seu lado direito, o tensionador da correia.

Com a chave Allen, afrouxe os dois parafusos de fixação e puxe o tensionador. Utilize a chave de fenda para auxiliar, colocando a ponta dela entre os componentes, tensionando a correia.

Aperte os dois parafusos, deixando a parte superior do tensionador alinhado com a barra metálica.

Movimente o carro do extrusor e verifique se a tensão da correia ficou adequada. Ela não pode ficar frouxa demais, mas também não deve ficar muito apertada.

Você pode repetir esse processo até achar um ponto ideal para as correias.

Troque os componentes de movimentação desgastados

Durante a utilização da máquina algumas peças sofrerão desgaste, principalmente as que ficam em movimentação, como as roldanas de nylon.

Com o desgaste das roldanas haverá folga do carro extrusor, prejudicando a qualidade de impressão.

Por isso, verifique a necessidade de troca dessas roldanas. Para trocá-las basta usar uma chave Allen pelo lado do extrusor, retirar o parafuso com a roldana e substituí-la. Parafuse novamente e verifique se agora o carro extrusor está bem equilibrado, sem folga excessiva.

Lubrifique a barra roscada

Para uma movimentação livre dos componentes da impressora você precisa utilizar um bom lubrificante.

Utilize um papel toalha para limpar a barra roscada e faça a lubrificação com graxa. Movimente a barra para cima e para baixo, fazendo com que o produto se espalhe e tenha maior eficiência.

Analise as fadigas dos fios

O conjunto do extrusor da sua Ender 3 fica em constante movimento e isso pode causar rompimento total ou parcial dos fios e cabos, levando a intermitências ou até mesmo na paralisação do equipamento.

Para garantir que esses problemas não ocorram você deve observar a condição de cada fio da máquina, principalmente aqueles que se conectam com o conjunto extrusor.

Com o alicate de corte, retire as presilhas da proteção dos fios, observe se eles estão íntegros e coloque novamente a proteção. Observe também as conexões, se elas estão bem encaixadas.

Retire o parafuso do compartimento da placa mãe da máquina e faça uma verificação dos fios e conectores. Se houver algum problema você deve fazer o reparo, utilizando o ferro de solda. Tome muito cuidado para não danificar outros componentes.

Uma forma de constatar problemas na parte eletrônica é no display. Manchas e desconfiguração no texto podem ser indícios de que os fios e conectores não estão em boas condições.

Retire restos de materiais e poeira

Com o uso do equipamento é comum que acumulem restos de filamentos, peças e também poeira. Além de higiênico, é recomendado que você faça uma limpeza geral regularmente para que esses resíduos não prejudiquem o funcionamento da impressora.

Um ponto crítico está no cooler que refrigera a placa mãe. Qualquer material que obstrua a passagem de ar pode levar a um super aquecimento da placa, gerando problemas diversos. Portanto, faça essa limpeza.

O próprio filamento pode levar poeira e sujeira para o extrusor, acumulando isso no bico e gerando entupimento. É interessante que você imprima uma espécie de filtro para o filamento, que nada mais é do que um pequeno bloco para conter uma esponja que vai limpar o filamento e reter qualquer partícula indesejada.

Dica: você pode baixar esse arquivo de graça diretamente no site Thingiverse.

Avalie a superfície da mesa

A Ender 3 é vendida com um adesivo colado sobre a parte metálica da mesa de impressão. Esse adesivo é muito útil porque após a impressão você pode retirá-lo, dobrá-lo e pegar a peça.

Porém, o adesivo também pode sofrer desgaste com o tempo, principalmente se o nivelamento da mesa e altura do bico estiverem inconsistentes.

Então, observe se esse adesivo contém arranhões, rasgos e até buracos. Se achar necessário você pode fazer a troca. Só tenha atenção na hora de retirar o adesivo antigo. Limpe bem para não ficar nenhum resíduo de cola antiga, gerando saliências que podem prejudicar a criação das peças.

Verifique a condição do bico de impressão

O bico de impressão é um dos principais componentes da impressora e requer cuidados.

É normal que ele sofra desgaste com o tempo. Em média, utilizando filamentos comuns, como PLA e ABS, indicamos a troca do bico de 3 em 3 meses, considerando uma utilização frequente da máquina.

Quando o bico começa a ficar ruim haverá ou acúmulo de resíduos, passando menos material e gerando subextrusão na peça; ou o diâmetro do furo de saída ficará maior, desregulando a pressão e gerando pontos aleatórios de maior ou menor extrusão.

Para trocar o bico da Ender 3 você deve usar a chave Allen para retirar os dois parafusos da carcaça do extrusor. Pegue a chave inglesa e segure o bloco aquecedor. Com uma chave de boca, desenrosque o bico até que ele saia por completo. Faça o processo inverso para instalar o novo. Lembre-se de travar o bloco aquecedor com a chave inglesa para garantir o aperto.

Posicione a carcaça do conjunto extrusor e coloque os dois parafusos de volta. Aqueça o bico e faça uma extrusão para garantir que a troca foi feita corretamente.

Faça uma avaliação do tubo PTFE

O tubo PTFE da Ender 3 é conectado até o bico. Esse componente serve para melhorar e facilitar a passagem do filamento, mas ele também é um item de desgaste e precisa ser verificado regularmente.

Com o desgaste ele pode gerar um efeito contrário ao seu uso, dificultando a passagem do material.

Para essa troca você deve aquecer o extrusor até a temperatura do material em uso, apertar a trava do conector e puxar o tubo PTFE. Se você não conseguir fazer isso, utilize uma chave de boca para desenroscar o conector e puxar o tubo.

O ideal é que você utilize um novo tubo na troca, empurrando ele até que chegue no bico.

manutenção da ender 3

Portanto, neste conteúdo nós vimos várias dicas para fazer uma boa manutenção da Ender 3. Vale ressaltar que todas essas ações são preventivas, ou seja, são tomadas para evitar que problemas maiores ocorram.

Em nossa loja virtual você encontrará as peças e acessórios para fazer a manutenção.

Seguindo essas recomendações você terá maior qualidade nas impressões e disponibilidade, sem o risco de ficar com a máquina parada no meio de um projeto importante de impressão.

Se você ainda não tem uma impressora 3D Ender 3, vai lá na nossa loja agora e já garanta sua máquina. Basta clicar aqui!

Publicado em:
08/01/2021

Deixe um comentário

Mais posts

Minha conta


Empresa referência em impressão 3D. Impressoras, filamentos e resina para impressão 3D, cursos, manutenção e prototipagem.

Endereço

Rua Toyota, n°490, Jardim Piemont - Betim - MG 
A 20 min do centro de Belo Horizonte.

Horário de funcionamento

08:00 às 17:00 | Segunda à sexta-feira

Dúvidas gerais | Suporte | Vendas

Nossas redes

Este site é protegido pelo reCAPTCHA, a Política de Privacidade e os Termos de Serviço do Google se aplicam.
3D Lab Industria Ltda.
CNPJ 20.212.019-0001/09